Anuncie aqui

Brena Késsia 

Ela tem só 20 anos, mas já intimida muito marmanjo por aí — e não é apenas por causa das curvas acentuadas que possui.

A modelo é natural do Ceará, tem opinião forte e está de bem com a carreira: ela assinou um contrato com uma agência e está com viagens marcadas para o exteriror.

 

Brena Késsia 

Continue Lendo

Postado em: EnsaiosGatas Por: Binho

Porno lésbico é visto tanto por lésbicas quanto por mulheres héteros, casadas e solteiras.

Isso é o que revela não só algumas pesquisas, mas também o ranking de sites pornô grandes que já reveleram os seus conteúdos mais assistidos e pesquisados.

Porno com lesbicas

Muitas mulheres, mesmo sendo hétero, já reveleram sentir prazer em ver conteúdos lésbicos de porno, tendo ou não participado de experiências sexuais com outras mulheres.

Por que mulheres gostam de porno lésbico?

No geral, mulheres costumam obter maior prazer, e até mesmo atingir o orgasmo com estímulos da região do clitóris,

O sexo oral costuma ser muito importante para o público feminino, o que não é muito mostrado nos pornôs hétero, onde o foco está no prazer masculino, na maioria das vezes.

O filme porno no geral, costuma dar foco ao corpo da mulher como objeto sexual do homem, com pouquíssimas cenas de estímulos ao prazer feminino, como o sexo oral na mulher. Geralmente apresentando apenas o sexo oral para o homem.

E isso não é um estímulo muito válido para a mulher. Já que os filmes pornôs são um estímulo visual para nós, que é bem diferente do que fazer sexo na prática.

No estímulo visual, é muito importante ver nas cenas aquilo que gostaríamos de que fosse feito com nós mesmos. Por isso que as mulheres, mesmo sendo hétero, acabam se interessando tanto pelo pornô de lésbicas.

Porque neste tipo de vídeos, as mulheres tem seus corpos muito estimulados e acariciados, com muito sexo oral, e tudo o mais que excita uma mulher.

No site xvideos5 você pode conferir os melhores vídeos de lésbicas e assistir gratuitamente.

Postado em: Publieditorial Por: Binho
03
ago
Culpa sua
Via Dr. Pepper.
Postado em: Dr. PepperTirinhas Por: Binho
XvideosPorno

Você sabia que a indústria pornográfica é uma das mais rentáveis? Na internet, este sucesso vem crescendo a cada dia. É cada vez mais comum.

Porno

Tanto sites grandes, como sites iniciantes tem feito cada vez mais sucesso, mostrando que nesta indústria tem espaço para todo mundo e para todo tipo de conteúdo. Porque o público é grande e muito versátil.

Só o site OnlyFans já distribuiu mais de 3 bilhões de dólares entre seus criadores de conteúdos porno, e olha que este é considerado um site recente.

Mas desde a pandemia, o site tem recebido um aumento de 533% nos acessos. A curiosidade das pessoas em verem outras pessoas reais, e não atrizes e atores em vídeos de conteúdos íntimos acaba aumentando a audiência.

Até mesmo uma série de celebridades tem feito suas contas por lá, o que faz com que os acessos bombem ainda mais.

A preferência pelo porno caseiro

As pessoas gostam de ver algo mais natural. As cenas de pornô caseiro são mais realistas, e isso chama muito atenção do público.

Os consumidores de pornografia acabam dando preferência para conteúdos mais amadores, por serem mais fidedignos do que se apresenta na vida real. As produções mais elaboradas podem soar um pouco falsas.

E você, prefere como? No site pornobom você pode ver todos os tipos de conteúdos gratuitamente. Dá uma conferida lá. Você vai adorar os vídeos de gostosas, sexo gostoso, caseiro, surubas e muito mais.

Postado em: Publieditorial Por: Binho

Após iniciar a pré-venda e revelar preços salgados para os padrões brasileiros, a Volkswagen começou a produzir a van ID.Buzz na reformada fábrica de comerciais leves em Hannover, na Alemanha. Em um rápido paralelo com a velha Kombi, a imagem é histórica. Ela marca o retorno de um ícone da VW e da indústria de carros.

Porém, a despeito da inspiração no modelo original, a Kombi elétrica é um projeto bastante moderno, com plataforma modular (MEB) 100% elétrica, novo conceito de interior e tecnologias avançadas por todos os lados. Isso explica, evidentemente, porque a ID.Buzz tem preços que superam os R$ 300 mil. As entregas na Europa começarão no último trimestre do ano. Já nos EUA, a espera será mais longa. As vendas começarão no fim de 2023.

Para cumprir o cronograma na Europa, a Volkswagen precisou garantir fluidez na montagem do modelo. Dessa forma, a marca treinou cerca de 4.000 funcionários. Ao longo de 2022, a ideia é montar até 15.000 unidades nas versões de passageiros e de cargas. Então, o volume aumentará até alcançar as 130.000 unidades de capacidade máxima.


Veja também:


Mudanças no modelo norte-americano

O VW ID.Buzz usa motor elétrico traseiro de 204 cv e 31,6 mkgf de torque instantâneo. Com ele, a velocidade máxima é limitada em 145 km/h e o zero a 100 km/h leva 10,2 segundos.

Equipada com um pacote de baterias de 77 kWh, a Kombi elétrica tem autonomia para percorrer 420 km. Com recargas rápidas, pode recuperar de 5% a 80% da energia em apenas 30 minutos em estações de alta potência, com 170 kW – algo ainda raro no Brasil.

Mas a Kombi que não emite gases na atmosfera será feita também nos Estados Unidos. Entretanto, a ideia é produzir uma versão diferente por lá, com mais espaço para acomodar três fileiras de assentos. Dessa forma, a van deve pular dos atuais 4,71 metros para quase 5 metros de comprimento. Ou seja, poderá levar até sete pessoas a bordo. Hoje – ao contrário da Velha Senhora – há 5 assentos. A ID.Buzz poderá, ainda, ter tração AWD na configuração com dois motores elétricos – eles ficam instalados um em cada eixo. Assim, espera-se potência de 300 cv.

Via Jornal do Carro.
Postado em: CarrosVolkswagen Por: Binho

Anuncie aqui