Garotas de programa de Brasília - Brasil lovers
02
ago

Patrícia Poeta, nossa doce obsessão na capa da VIP

Patrícia Poeta 

O compositor americano Cole Porter declarou certa vez que a fonte de inspiração para suas canções era a data de entrega exigida pelo produtor. A de Tom Jobim também era o prazo. Por um momento, a de Luis Fernando Veríssimo foi o tempo.

 

Não o do calendário, mas o meteorológico. Mais especificamente, a moça do tempo: Patrícia Poeta, quando a jornalista, gaúcha como ele, apresentava a previsão do clima em rede nacional, entre 2000 e 2001.

 

“Hoje ela está de cabelo preso. Acho que prefiro solto. 47 graus em Porto Alegre, veja você. Ela será baixa ou alta? Nunca se vê o corpo todo. Máxima de 55 no Rio. Máxima é ela. (…) Neve no Ceará, furacão no Centro-Norte, e o que foi mesmo que ela disse sobre o Amazonas correr ao contrário e inundar o Peru? Quem se importa com o tempo hoje, quando é a Patrícia que apresenta? Mas ainda prefiro os cabelos soltos”, escreveu no Zero Hora, em 4 de fevereiro de 2001.

 

Patrícia Poeta 

Veríssimo, um dos mais importantes cronistas do Brasil, retratou como poucos a história do país escrevendo sobre suas musas, que já foram Luma de Oliveira, Luana Piovani e Patricia Pillar. Patrícia Poeta estava além, foi quase um amor platônico.

 

“Patrícia faz bem aos olhos e aos ouvidos, é inteligente e para ser perfeita só falta… Olha, acho que não falta nada”, disse o escritor ao receber uma homenagem da jornalista no extinto Programa do Jô.

 

“O Jô me ligou e propôs esse encontro de dois tímidos. Era palpável nosso constrangimento no ar, mas eu precisava retribuir a minha admiração por ele também”, conta Patrícia, sentada no terraço do hotel Emiliano Rio.

 

Patrícia Poeta 

Patrícia Poeta 

Patrícia Poeta 

Patrícia Poeta 

Veja mais gatas capa da VIP aqui!

 

Patrícia Poeta 

Patrícia Poeta 

Via VIP.

Postado em: GatasVIP Por: Binho


Deixe seu comentário:

acompanhantes de são paulo