TOPO
  • 24/11

    Não há nada mais sublime e inocente do que a natureza, e diferentemente da raça humana quando fotografada, os animais carregam um misto de ignorância e subserviência em relação ao aparato fotográfico. Essa inocência ao acontecimento torna ainda mais encantador o resultado. É o que Tim Flach, enquanto fotógrafo, se propõe a fazer.

     

     

    Nascido em 1958, na cidade de Londres, Tim Flach é um fotógrafo que nos conquista por sua capacidade de percepção. Seus conceitos abrangem o mundo animal em seu estado puro ou em contato com os seres humanos. Em seus retratos somos capazes de perceber sentimentos, que antes nos pareciam apenas comuns nas qualidades humanas, mas que agora, sob o olhar fotográfico de Tim, se tornam comuns também aos animais, trazendo-os para nosso redor.

     

     

    Tim expõe um trabalho de muita delicadeza, com grandes refinamentos técnicos, chegando bem próximo do espírito animal em suas capturas. Ele trabalha com liberdade ao explorar as formas dos corpos animais e elaborar composições inusitadas e ao mesmo tempo cheias de movimentos com as variadas espécies. Diferentemente de outros fotógrafos de animais, Tim mostra o mundo animal com ternura, deixando de lado a prática vitrinista e exibicionista à qual se dedica o mundo moderno.

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Via ObviousMag

    tags: , , , , ,

    Leia também:
  • Comentários

    Veja posts legais de outros blogs